quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Tecido Epitelial e Conjuntivo

TECIDO EPITELIAL

· Constituído de céls. Poliédricas justapostas, com pequena quantidade de matriz extracelular. Tem como função o revestimento de superfícies, absorção de moléculas, secreção, percepção de estímulos e contração

· Aprox. todas as céls epiteliais estão apoiadas sobre um tecido conjuntivo.

o Lâmina própria: nome do T.C quando epitélios revestem órgãos ocos

o Porção apical: porção da cél epitelial voltada para o tecido conjuntivo

· Lâmina basal: estrutura na superfície de contato entre céls epiteliais e o tecido conjuntivo. Só pode ser vista através de microscopia eletrônica. Os componentes principais são: colágeno IV, as glicoproteínas (laminina e entactina) e proteoglicanas. Tendo como funções o papel estrutural e a filtração de moléculas e ainda podem influenciar a polaridade da célula; regular a proliferação e diferenciação celular; servir como caminho e suporte para migração de células.

· Membrana basal: junção de duas lâminas basais ou uma lâmina basal e outra reticular. Camada situada abaixo dos epitélios. Visível através de microscopia de luz.

· Núcleo: critério fundamental para classificação dos epitélios; a sua forma acompanha o formato da célula.

· Junções intercelulares: locais de adesão da membrana de céls vizinhas para formar e manter os diversos tecidos e órgãos.

o Zônulas de adesão: aderência entre células

o Desmossomos: em forma de disco; presente na superfície de uma célula

o Zônulas de oclusão: efeito selador; mantém as células vizinhas tão encostadas que impede a passagem de moléculas entre elas

o Junção comunicante: podem existir em qualquer local das membranas laterais das células epiteliais; integração das funções celulares

· Tipos:

o Revestimento: camadas de céls que cobrem a superfície ou revestem as cavidades

§ Epitélio Simples: uma camada de céls

· Pavimentoso: endotélio e mesotélio

· Cúbico: revestimento do ovário

· Colunar/Prismático: intestino

· Pseudo-estratificado: vias respiratórias

§ Epitélio Estratificado: duas ou mais camadas de céls

· Pavimentoso: pele

· Prismático: olho humano

· Transição: bexiga; ureteres

· Cúbico: gland. Sudoríparas

· Úmido: boca; estômago vagina *-* e canal anal

o Glandular: constituído por céls especializadas em secreção

· Especializações da superfície livre

o Microvilos: parecem dedos de luvas; Ex: intestino e rins

o Estereocílios: região apical das céls; Ex: epidídimo e canal deferente

o Cílios: estruturas móveis, móveis e grande quantidade; Ex: cél da traquéia

o Flagelos: espermatozóides

2) TECIDO CONJUNTIVO

· Células do T.C:

o Fibroblastos: prod. De fibras e subst. fundamental

o Macrófagos: secreção de citocinas e outras moléculas para outras céls

o Mastócitos: liberação de moléculas farmacologicamente ativas

o Plasmócitos: prod. anticorpos

o Adiposas: estocagem de gordura neutra

o Leucócitos: prod. De céls imunocompetentes

· Frouxo: suporta pressão e atritos pequenos, flexível, pouco resistente a trações, formados pelos constituintes básicos;

· Denso: adaptado para oferecer mais resistência e proteção aos tecidos, menos flexível, mais resistente, denso, predomina fibras colágenas.

· Fibras colágenas: formadas por colágenoà este possui mais de 20 tipos.

o Colágeno I: mais abundante; são de cor branca; resistentes a trações

§ Ex: tendões e ligamentos, por exemplo.

o Colágeno V: ocorre em peq. Quantidades; associado com o tipo I para formar fibrilas.

§ Ex: tecidos fetais, pele e ossos, por exemplo.

o Colágeno XI: encontrado em cartilagens hialinas e elásticas; participa da estrutura das fibrilas colágenas.

o Deficiências do colágeno:

§ Escorbuto

§ Doenças cutâneas

§ Inflamação nas juntas

§ Rigidez muscular

§ Má formação óssea

§ Osteogênese imperfeita

· Fibras Reticulares: formadas pelo colágeno do tipo III; encontrada no TC frouxo; característica comum com as colágenas: fibras estriadas só q + delgadas e finas

· Fibras elásticas: distintas das colágenas; formada por elastina.

terça-feira, 5 de outubro de 2010

THE BEST OF JOÃOZINHO

Irritado com seus alunos, o professor lançou um desafio.
Aquele que se julgar burro, faça o favor de ficar de pé.
Todo mundo continuou sentado.
Alguns minutos depois, Joãozinho se levanta.
- Quer dizer que você se julga burro? - perguntou o professor, indignado.
- Bem, para dizer a verdade, não! Mas fiquei com pena de ver o senhor aí, em pé, sozinho!
---------------------------------------------------------------------------------------------

O pai do Joãozinho ficou apavorado quando este lhe mostrou o boletim.
- Na minha época as notas baixas eram punidas com uma boa surra.
- Legal pai! Que tal pegarmos o professor na saída amanhã?
---------------------------------------------------------------------------------------------

Na escola, a professora explica: Se eu digo "fui bonita" é passado.
Se digo "sou bonita" o que é Joãozinho?
- É mentira...
---------------------------------------------------------------------------------------------

Na aula de noções de medicina, a professora pediu para os alunos trazerem instrumentos utilizados em um hospital.
- Cíntia, o que você trouxe?
- Um bisturi.
- Quem deu pra você?
- Minha mãe.
- E o que ela falou?
- Falou que serve pra cortar a pele!
- Ah, parabéns!
- Vinícius, o que você trouxe?
- Uma seringa!
- E quem deu pra você?
- Meu pai!
- O que ele falou?
- Falou que serve para aplicar injeção!
- Meus parabéns!
- Kiko, o que você trouxe?
- Um termômetro!
- Quem foi que deu?
- Meu tio.
- E o que ele falou?
- Falou que serve pra medir a temperatura.
- Ótimo.
- E você, Joãozinho, o que é essa bola embaixo do seu braço?
- Isso e um balão de oxigênio!
- E quem deu pra você?
- Eu peguei da minha vó!
- O que ela falou?
- D-E-V-O-L-V-E... D-E-V-O-L-V-E-E-E-E-E... D-E-V-O-L...
---------------------------------------------------------------------------------------------

Durante o jantar, Joãozinho conversa com a mãe:
- Mamãe, porque é que o papai é careca?
- Ora, filhinho... Porque ele tem muitas coisas para pensar e é muito inteligente!
- Mas mamãe... Então porque é que você tem tanto cabelo?
- Cala a boca e come logo esta porra de sopa, menino!
---------------------------------------------------------------------------------------------

A professora de uma escola primária mandou que os seus brilhantes alunos escrevessem uma redação, onde fossem tratados os seguintes temas:
1. Monarquia
2. Sexo
3. Religião
4. Mistério
Quem terminasse, estaria dispensado e poderia voltar para casa. Passados míseros segundos, Joãozinho levanta a mão e diz que terminou. A professora, sem acreditar, pede que leia a sua redação. Ele levanta e diz:
"Mandaram a rainha tomar no cú. Meu Deus! Quem terá sido?"
---------------------------------------------------------------------------------------------


Era o dia do exame final. O Joãozinho ia ser examinado pela professora em prova oral, e a professora, que era nova na escola, iria ser observada pelo diretor. Sentam-se a Professora e o Joãozinho, um de frente para o outro, e o Diretor ficou em pé, atrás do menino.


A professora pergunta:

- Joãozinho, o que D. Pedro I disse quando proclamou a independência do Brasil? (nisso a professora derruba o lápis, e abaixa-se para pegar).

Quando a professora se levanta, pergunta:
- E, então, Joãozinho o que ele disse?
- Peitinhos maravilhosos!
- Não é nada disso! Zero! - diz a Professora, nervosa.

O Joãozinho vira-se pro diretor:
- Pô, se não sabe, não SOPRA!!!

Mais uma de biologia - Algas

Hoje decidi falar um pouco sobre as algas, mais especificamente de sua reprodução!
Vamos lá galera...
Para algas temos a reprodução assexuada que se resume em:
  • clonagem; vegetativa; bipartição. brotamento e regenetariva
Já a reprodução sexuada se resume em:
  • singamia (fusão de células) + cariogamia (reunião de genomas)
Referente ao ciclo de vida das algas, temos algumas classificações.
  • isogamia: quando gametas são iguais
  • heterogamia: quando gametas são diferentes
dentro da heterogamia temos mais algumas classificações:
  • Anisogamia: gametas flagelados e com tamanhos diferentes
  • Oogamia: gameta masculino é pequeno e flagelado, se chamando anterozóide, e o gameta feminino é grande e sem flagelo, se chamando oosfera.
Os tipos de ciclos são mais complexos para se entender, então vou fazer um esquema abaixo (foto)